Degenação Macular Relacionada à Idade é a principal causa de perda da visão central em pessoas com mais de 50 anos. Além da idade avançada, outros fatores de risco podem aumentar o risco de desenvolvê-la.

Mácula

É a região central da retina responsável pela qualidade da visão nitida e de cores.

O que é DMRI?

Esta doença ocorre pela perda da integridade da mácula que geram defeitos maculares chamados drusas. Estas drusas, em grande quantidade, podem induzir o crescimento anormal de vasos sanguíneos na retina. O paciente percebe imagem distorcida e com o tempo piora da qualidade visão central.

A doença é dividida em duas fases:

  • DMRI seca: evolui lentamente com perda gradual da visão e leve distorção da imagem;
  • DMRI exsudativa ou Úmida: quadro abrupto que faz diminuir rapidamente a visão central.

Causas

Os estudos científicos mostram que os fatores genético e a idade são os maiores culpados. Porém, é sabido que a exposição ao outros fatores ajudam a desenvolver mais precocemente a doença, são eles:

  • Raça caucasiana
  • Exposição à luz solar (raios ultravioleta)
  • Hipertensão arterial
  • Tabagismo
  • Obesidade
  • Dieta pobre em frutas e vegetais

Diagnóstico

Recomendamos realizar o mapeamento de retina anual para os pacientes com mais de 2 fatores de risco.

Exames complementares colaboram para definir a fase e tratamento desta doença. Geralmente, são solicitados o exame de angiofluoresceinografia, angiografia com indocianina verde e tomografia de coerência optica (OCT).

Tratamento

Na tentativa de diminuir a possibilidade de desenvolver a DMRI, os pacientes com algum fator de risco e familiar com a mesma doença são orientados a parar de fumar, usar óculos escuros, controle da hipertensão arterial, obesidade e dieta equilibrada.

Na fase seca, é indicado o uso de polivitamínicos.

Na fase úmida, são indicados o tratamento ocular mensal de quimioterápicos para diminuir e controlar o crescimento anormal de vasos.

O tratamento com terapia fotodinâmica é indicada em raros casos da fase úmida.